Trabalhadores do asseio em Paulínia paralisaram suas atividades cobrando ações da empresa Consórcio Paulínia Sempre Limpa

30/07/2018



Trabalhadores do Asseio e Conservação da base do Siemaco em Paulínia organizaram uma paralisação na manhã desta segunda-feira (30), em razão do não cumprimento das reivindicações solicitadas à empresa Consórcio Paulínia Sempre Limpa.

Na pauta em questão, foram apresentados problemas nos transportes utilizados para execução do serviço, tais como: pneus carecas e riscados, para-brisa trincado, problemas no câmbio de marcha, transporte com excesso de pessoas, estofamentos rasgados e em condições precárias, presença de odor insuportável devido à falta de higienização de alguns caminhões, etc.

Também foram registradas cobranças em relação à contratação do convênio médico pela empresa, cuja sede é em Campinas. Segundo o sindicato, dentre inúmeros motivos, o atendimento em outra cidade dificulta o acesso a algumas pessoas, uma vez que nem todas possuem recursos financeiros suficientes para tal.

Outro ponto mencionado se refere à conta bancária. Embora não exista interferência nas ações e procedimentos administrativos, a empresa Consórcio Paulínia Sempre Limpa, realizou a abertura das contas junto a uma agência da cidade de Campinas. De acordo com os trabalhadores, na eventual existência de problemas em suas contas, a resolução só poderá ser realizada pela agência de origem e não nas que estão disponíveis e próximas de todos em Paulínia.

Segundo o presidente do Siemaco, Amaury, a paralisação dos trabalhadores cumpriu seu objetivo chamando a atenção da empresa, que solicitou pouco tempo depois do início da paralisação uma reunião com os representantes da categoria, culminando com o retorno de todos às suas atividades normais.

“Organizamos a paralisação, pois em um primeiro momento não conseguimos um diálogo claro com a empresa, porém, fomos convocados pouco tempo depois para uma reunião emergencial. Com a nossa pauta de reivindicações nas mãos, nos acenaram positivamente e nos garantiram que atenderão todas as questões. Desta forma, falamos com os trabalhadores e todos aceitaram retornar às suas atividades normalmente ”,afirmou o presidente.

Em nota, o Siemaco Paulínia informou que situações como esta só reforçam a importância de ser ter um representante trabalhando pela manutenção dos direitos dos trabalhadores, bem como, reafirmaram seu compromisso com a categoria, cumprindo seu papel na fiscalização e garantia dos acordos firmados.

 

WhatsApp Image 2018-07-30 at 11.39.08